33.9 C
Lagoa Dourada
Início Gerais Padre Robson é afastado da Afipe após denúncia de desvio de doações

Padre Robson é afastado da Afipe após denúncia de desvio de doações

O Ministério Público (MP) do Estado de Goiás realizou, na última sexta-feira (21), a Operação Vendilhões. O objetivo era investigar cerca de R$ 120 milhões de doações que teriam sido desviadas na Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe).

O órgão recebe donativos de todo o país, chegando a R$ 20 milhões mensais, de acordo com a apuração das autoridades. A Afipe é responsável pelo Santuário Basílica da Trindade, em Goiás.

O padre da Igreja Católica teria desviado o dinheiro ao longo de 3 anos. Imagem: Divulgação / UOL.

Quem administrava o grupo era o Padre Robson de Oliveira Pereira, de 46 anos, natural de Trindade. O sacerdote pediu o afastamento das funções após a apresentação do caso pelo MP.

De acordo com o G1, o esquema era feito através de “laranjas” e empresas fantasma, utilizados na lavagem do dinheiro. A defesa do padre afirma que a instituição realiza investimentos como forma de aumentar sua renda.

Outra publicação do site aponta que o religioso teve seu nome pautado pela primeira vez em 2017, quando foi denunciado por motivo de extorsão, mas a polícia constatou se tratar de uma acusação falsa.

Comentários

Online agora

Visitas até hoje

  • 132.856