24 C
Lagoa Dourada
Início Educação Enem 2020 não será usado na próxima edição do Prouni e Fies

Enem 2020 não será usado na próxima edição do Prouni e Fies

Data das provas precisou ser modificada pela pandemia do COVID-19. Imagem: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil.

O Ministério da Educação (MEC) divulgou, nesta quinta-feira (10), o calendário para a realização das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A prova, que normalmente acontece no mês de Novembro, precisou ser mudada para 17 de janeiro de 2021, devido ao coronavírus.

Os resultados dos testes estão previstos para o dia 29 de março. Contudo, o Programa Universidade para Todos (Prouni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) têm as datas para inscrição marcadas entre os dias 12 a 15 de janeiro, e 26 a 29 de janeiro, respectivamente.

Isso significa que os estudantes que realizarem a prova só poderão se inscreverem na edição seguinte dos programas, no meio do ano. Portanto, para a primeira edição do Prouni e Fies de 2021, serão aceitos apenas candidatos que realizaram as provas dos anos anteriores.

O MEC alterou as datas como forma de readequar o calendário com o das universidades, que sofrerão grande alteração com a pandemia. Segundo a Itatiaia, especialistas creem que sobrem vagas para os programas de inclusão ao ensino superior no ano seguinte.

Outra decisão do MEC foi de estender o período das aulas não presenciais até dezembro de 2021. A medida foi aprovada pelo colegiado em outubro, e publicada no Diário Oficial da União de quinta-feira pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro.

Foi dada autonomia a todas as instituições de ensino do país de reorganizarem seus cronogramas e grades curriculares, desde que garantam a aprendizagem dos alunos, e o registro das atividades desenvolvidas.

Devido à dificuldade de muitas pessoas de absorver o conhecimento pelo meio digital, o MEC também permitiu uma flexibilização nos métodos de avaliação das escolas, assim como a carga horária.

De acordo com a Agência Brasil, o retorno presencial deve acontecer gradualmente. As universidades devem retomar as atividades no dia 1º de março. Deverão ser adotados vários protocolos de higiene, distanciamento, e o escalonamento de horários de entrada e saída.

Comentários

Acesse também:

Online agora

Visitas até hoje

  • 294.839